Conheça a experiência de quatro jovens estagiários ou recém-contratados profissionais na Braskem

0

Dia do Estagiário é comemorado em 18 de agosto, em cenário de mercado reaquecido com oportunidades como na Braskem, que inscreve até 9 de setembro para seu Programa de Estágio

Marcella Borges, que está em seu primeiro estágio, busca vivência na área de engenharia

No domingo (18) é comemorado o Dia do Estagiário, colaborador que volta a ganhar espaço no mercado. De acordo com a Associação Brasileira de Estágios (Abres), após quatro anos de crise, as ofertas de vagas de estágio no país aumentaram 7,6% em comparação a 2018. Essa é uma oportunidade única na formação dos estudantes, que tem a chance de agregar conhecimentos práticos e desenvolver competências por meio da imersão no ambiente corporativo.

Foi justamente o período de 1 ano e 8 meses de estágio na Braskem que ajudou nas escolhas profissionais da engenheira química Aline Elena Mariano, que hoje atua na área de Engenharia de Processos da empresa: “Esse é um período determinante que pode e vai influenciar os caminhos da sua carreira. Eu tive a maravilhosa oportunidade de estagiar em duas áreas e pude enxergar os diversos ramos de atuação do engenheiro químico, que muitas vezes não lhes são apresentados na universidade”, conta.

Durante o estágio, Aline trabalhou nas áreas de Saúde, Segurança e Meio Ambiente (SSMA) e de Produção. A vivência proporcionou conhecimentos fundamentais para a formação da engenheira química, que acabou optando por atuar no setor de Produção. “Percebi qual perfil se encaixava mais com minha personalidade. Sou uma pessoa bastante dinâmica e que gosto de desafios diários”, complementa.

O conhecimento acadêmico é indispensável por fornecer a base para o futuro profissional atuar, mas a experiência proporcionada pelo estágio consolida a formação do estudante. A imersão no mercado de trabalho apresenta as diversas tarefas da profissão, assim como a interação entre os setores das corporações e na cadeia produtiva, com fornecedores e clientes. Isso desenvolve nos futuros profissionais a capacidade de saber se relacionar com variados públicos. Por entender isso, Rafael Pina, que atualmente trabalha no setor de Utilidades & Distribuição da unidade Químicos 1 da Braskem, em Camaçari, afirma que o estágio é o principal pilar na formação profissional. “Ainda que tenhamos diversas atividades profissionalizantes na universidade, a vivência no estágio é única e capaz de nos proporcionar grandes desafios que irão nos submeter ao desenvolvimento de competências técnicas e pessoais para a profissão”.

Mais do que a rotina diária, um bom programa de estágio deve incluir desafios e resolução de problemas, para que o estudante aprenda a lidar com situações adversas da rotina corporativa, vivenciando como aplicar a teoria na prática de forma colaborativa e interdisciplinar.

Raphael Conceição foi contratado após estágio na Braskem

Raphael Conceição foi contratado após estágio na Braskem

Dedicação aos estudos e ao estágio são essenciais para aproveitar ao máximo essa oportunidade, indo além da área de atuação para o entendimento do negócio como um todo. Foi o que fez Raphael Oliveira, recentemente contratado pela Braskem após o estágio. “Existe na Braskem uma cultura muito positiva de ensinar e de propor desafios. O meu líder educador teve um papel fundamental nessa trilha. Ele sempre buscava me manter preparado e imerso não apenas para as minhas atividades, mas para as demandas inerentes a minha profissão”, afirma.

Apesar de estar no seu primeiro estágio, a universitária Marcella Borges, que atua na Unidade Químicos 1, no Polo Industrial de Camaçari, busca ir além de vivenciar o dia a dia de sua área e aprimorar capacidades pessoais que serão essenciais para seu crescimento profissional. “O estágio me possibilita desenvolver algumas competências requeridas no mercado de trabalho como autodesenvolvimento, trabalho em equipe, comunicação, organização, agilidade e domínio do negócio, desempenhando o papel de protagonista na busca para otimizar processos”, explica.

Oportunidade – A Braskem inscreve até 9 de setembro para o seu Programa de Estágio. São oferecidas 60 vagas na Bahia, sendo 13 para estudantes de curso técnico e 47 para universitários. Também há oportunidades em São Paulo, Rio de Janeiro, Alagoas e Rio Grande do Sul, totalizando 280 vagas.

O Programa de Estágio Técnico, que tem duração de um ano, inscreve para as áreas de Automação; Automação Industrial; Edificações Elétricas; Eletroeletrônica; Eletromecânica; Eletrônica, Eletrotécnica; Instrumentação; Manutenção; Manutenção Mecânica; Mecânica; Mecatrônica; Metalurgia; Plásticos; Química; Química Industrial; Robótica ou Segurança do Trabalho e Soldagem.

Já o Programa de Estágio Universitário, que tem duração de até dois anos, inscreve estudantes dos cursos de Administração; Ciências Contábeis; Ciências Econômicas; Comércio Exterior; Comunicação Social (Jornalismo e Relações Públicas); Engenharias; Cursos de TI Logística; Biologia; Psicologia; Química; Relações Internacionais; entre outros.

A Braskem busca realizar uma seleção cada vez mais plural e inclusiva, para isso criou um novo formato para o processo, que utilizará games, entrevista on-line e dinâmicas de grupo. Interessados devem se inscrever no site www.jovensbraskem.com.br.

Da Redação

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui