Cultura e diversidade marcam desfile da Independência na Gleba E

0

Cultura, harmonia e alegria foram os elementos que marcaram o tradicional desfile cívico em comemoração à proclamação da Independência do Brasil, neste sábado (7/9), no bairro da Gleba E, em Camaçari. Com faixas e bandeirolas, centenas de munícipes lotaram a avenida do circuito e prestigiaram as apresentações das escolas municipais, grupos culturais, além das fanfarras. O desfile, promovido pela Prefeitura de Camaçari, é organizado pelas secretarias de Educação e Cultura, com o apoio da Coordenação de Eventos.

Entusiasmado e descontraído, o prefeito Elinaldo Araújo acompanhou com atenção toda a festa. Para ele, este é um evento de grande importância para o município. Ele também demonstrou boas expectativas para o aniversário da cidade, celebrado no dia 28 de setembro.

“Este é um momento de felicidade para o povo brasileiro e não é diferente para os camaçarienses, que vêm às ruas comemorar essa data de grande relevância, dia da nossa independência. Hoje é o nosso primeiro desfile, depois passaremos pela Costa de Camaçari. Sem contar que estou muito animado para em breve também comemorar o aniversário da nossa cidade”, destacou o gestor.

Recebendo como temática #CAMAÇARICULTURADAPAZ, a abertura do evento ficou por conta da Filarmônica 28 de Setembro, juntamente com o Tiro de Guerra. A partir disto, as autoridades municipais realizaram o hasteamento das bandeiras que representam a cidade, estado e país. Em seguida, a Banda Marcial de Camaçari (BAMUCA) animou à população.

Na expectativa de acompanhar a passagem dos grupos culturais, a jovem Eulina Vitória, 19 anos, conta da satisfação em participar dos desfiles da Gleba E e do aniversário da cidade. “Eu já desfilei muitas vezes e assisto todos os anos, venho para ver as fanfarras, principalmente a Bamuca”, comentou, ao lado da família.

Participaram do festejo, os grupos de estudantes da Escola Experimental Marina Tavares, Centro Integrado de Educação Infantil do Phoc I, Centro Educacional Monteiro Lobato, Escola Clube das Mães, Escola Sistema Master, Escola Parque Verde, Centro de Educação Municipal de Camaçari, Escola Anísio Teixeira e Escola Edelzuita. Além dos projetos culturais e fanfarras, Som Timbal, Levada do Saber, Rumfagere, Espermacete, banda Sistema Master, Fanfarra Municipal Popular de Abrantes (Fampa) e Banda Marcial Anísio Teixeira (Bamat).

“O mês de setembro é muito importante em Camaçari. Eu, quando era garoto, já desfilei muito e era sempre um momento de felicidade, alegria, satisfação e orgulho. Quero parabenizar a todos pelo empenho em realizar este evento tão importante para as famílias de Camaçari, da nossa Bahia, do nosso Brasil”, relembrou o vice-prefeito, José Tude.

Para a secretária de Educação, Neurilene Martins, o desfile é uma oportunidade de demonstrar o espírito cívico. “A população invade a rua com a arte, que é uma linguagem singular para todos nós. Fazemos como se fosse uma prece, uma homenagem a todos os movimentos pacifistas na busca de viver um dia de fraternidade, solidariedade e paz”, contou, inspirada na temática deste ano.

Participando do evento pela segunda vez, a pequena Raquel Bonfim, 10 anos, representou a Escola Experimental Professora Marina Tavares Cardoso. De acordo com ela, o que mais atraí é “a participação do público, o jeito que as pessoas interagem e as músicas”, expressou.Foto: Ascom/PMC

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui