Estudantes da Bahia se classificam para etapa internacional do Hackathon da NASA

0

Um campo eletrostático capaz de reunir microplásticos dos oceanos. A ideia foi a vencedora no Hackathon da NASA, na etapa nacional, também realizada em Salvador. Vencedora na categoria “Oceanos do Planeta Terra”, a iniciativa prevê um sistema capaz de reunir os resíduos em um armazenamento que ficaria instalado em navios ou até mesmo em plataformas de petróleo. Thiago Barbosa, estudante de Análise e Desenvolvimento de Sistema, Ramon Santos,   estudante de Engenharia Química, ambos da Universidade Católica do Salvador (UCSAL), além dos estudantes do curso de administração de empresas, da Universidade Federal da Bahia (UFBA), Pedro Dantas, Genilson Brito e Antônio Rocha, integrantes da equipe Cafeína, já enviaram a apresentação da startup para a NASA com o intuito de vender a ideia. 

Vencer a etapa nacional foi de extrema relevância para os estudantes, que agora aguardam o resultado da disputa com estudantes de outros países.  “Foi uma emoção muito grande. Uma experiência com pessoas que têm visão fora da caixa, que quer ganhar o mundo”, afirma Thiago Barbosa. Para Pedro Dantas, o Hackathon mostrou que é possível mudar o mundo através de boas ideias. “A gente tem cem por cento de confiança. Estamos indo para ganhar”, ressalta. 

Além da iniciativa vencedora, outros estudantes da UCSAL foram destaque do Hackathon da Nasa.  A aluna de Engenharia Química, Ingrid Guedes, e o aluno de Engenharia Mecânica, Rodrigo Rodrigues, foram os vencedores na categoria People’s Choice. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui