FBF define plano de retomada do futebol baiano

0

A bola volta a rolar na Bahia em 22 de julho. A data foi escolhida pela Federação Bahiana de Futebol para a retomada do Campeonato Baiano.

A volta foi acertada em reunião do conselho técnico com os clubes participantes, na última semana, mas dividiu opiniões. Tiveram clubes que não concordaram. Foi o caso do Jacobina, que promete até ir à Justiça para não entrar em campo.

Mas, isso não impediu a FBF de definir o plano de retomada do futebol no estado. O Galáticos OnLine teve acesso ao documento, que deve ser divulgado nos próximos dias.

Segundo a entidade, o planejamento foi feito seguindo as diretrizes da CBF e dos órgãos públicos para garantir a segurança dos jogadores e demais profissionais envolvidos nas partidas.

Medidas de higiene terão que ser adotadas nos jogos. São elas a higienização constante das mãos (água corrente, sabão e álcool gel), disponibilidade  desses recursos em todos os setores (como campo e vestiário), evitar tocar nos olhos, nariz e boca, evitar cumprimento com as mãos, manter distanciamento social de 2 (dois) metros, uso obrigatório de máscaras por todos os profissionais, orientar o descarte correto das roupas e  Educação continuada (com avisos na estrutura do clube, uso de vídeos e palestras.) 

Também fazem parte a realização dos testes de Covid-19 antes dos treinos e partidas e o afastados das atividades, com isolamento social de, no mínimo, 14 dias daqueles que testarem positivo.

No transporte aos jogos, os clubes devem utilizar preferencialmente o ônibus, e o veículo deverá ser higienizado antes e após a sua utilização, se possível, com o uso de apenas 50% de sua capacidade máxima de lotação. Já os cumprimentos entre jogadores, comissões técnicas e arbitragem foi suspenso.

Nas entrevistas, deve ser evitada aproximação, adotando-se o protocolo de atletas e treinadores segurarem o microfone, depois de devidamente higienizado pelo veículo da imprensa. A entidade, informou, ainda, que será indicado o menor número de representantes da FBF, imprensa, segurança e outros envolvidos para realização dos jogos, restringindo o número de pessoas e reduzindo o risco de aglomerações.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui